Harry Potter DESTINYs
Já é Cadastrado no Site? Então Faça o Login.
Ainda Não é Cadastrado? Então Registre-se e Faça Parte da Nossa Academia.
Atenciosamente: Anne Moon



 
InícioPortalCalendárioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seLogin

Compartilhe | 
 

 The Killers

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Annie M. von Crimson
Bruxo Administrador
Bruxo Administrador


Sexo Sexo : Feminino
Mensagens Mensagens : 2326
Galeões Galeões : 2147483638
Nível Bruxo Nível Bruxo : 28
Data de inscrição Data de inscrição : 27/04/2009
Idade Idade : 22
Localização Localização : Hogwarts

Perfil Bruxo
Família: von Crimson
Patrono: Tigre
Casa: Grifinória

MensagemAssunto: The Killers   Qua Jun 17, 2009 4:18 pm



THE KILLERS

The Killers é uma banda estadunidense de rock alternativo, formada no ano de 2002 em Las Vegas. É composta por Brandon Flowers (vocais e sintetizador), Dave Keuning (guitarra e vocal de apoio), Ronnie Vannucci (bateria) e Mark Stoermer (baixo e vocal de apoio). Seu primeiro álbum, Hot Fuss, foi lançado em 15 de junho de 2004, obtendo ótimas críticas e grande reconhecimento junto ao público, em grande parte devido aos sucessos "Somebody Told Me", "Mr. Brightside" e à sonoridade dançante dos anos 80, oriunda dos sons sintéticos das canções. O segundo álbum do grupo, Sam's Town, foi lançado em 3 de outubro de 2006, e marcou uma considerável mudança no estilo da banda, tanto em relação à música, que apresentou influências mais roqueiras, como Bruce Springsteen, quanto ao estilo de se vestir, que tornou-se mais "agressivo", mais compatível com a sonoridade extremamente americana que caracteriza Sam's Town.
Os atuais integrantes do The Killers tiveram diversas ocupações antes de formarem a banda. Brandon Flowers, com os estudos recém-concluídos, trabalhou por um tempo no Gold Coast Hotel and Casino, em Las Vegas, como porteiro. Sua função era receber os hóspedes recém-chegados e guiá-los pelo hotel. Dave Keuning trabalhava em uma loja de roupas chamada Banana Republic, mas saiu de lá quando um novo chefe o proibiu de ouvir música no local de trabalho. Mark Stoermer entregava equipamentos médicos e estudava Filosofia na Universidade de Nevada, e Ronnie Vannucci estudava percussão clássica nesta mesma Universidade, enquanto trabalhava como fotógrafo de casamentos.

Algum tempo depois, Brandon Flowers tornou-se o tecladista de uma banda de synthpop chamada The Blush Response. Entretanto, quando seus integrantes decidiram se mudar para Los Angeles, Flowers se recusou a acompanhá-los, o que resultou na sua saída do grupo. Algum tempo após esse incidente, ele foi à um concerto do Oasis, em Las Vegas, o que lhe fez chegar à conclusão de que "sua vida precisava de mais guitarras". Com essa idéia na cabeça, Brandon chegou ao ponto de parar qualquer carro na rua com adesivos de bandas para convidar quem estivesse dentro para a sua banda. Enquanto isso, Dave Keuning procurava músicos "que amavam Oasis", através de um anúncio em um jornal, para formar uma banda. Flowers leu o anúncio e, fascinado pela música do Oasis, respondeu à Dave. Em uma entrevista, Dave falou sobre como ele e Flowers se conheceram:
Brandon havia acabado de ver o Oasis no The Joint, e ele não sabia muito sobre eles. Mas isso o mudou, pois ele era membro de uma banda de synth pop, e ver o Oasis fez com que ele procurasse um guitarrista. Ele me ligou, e foi assim que nos conhecemos. Nós não sabíamos como iríamos soar, apenas tínhamos um monte de bandas em comum. Mas eu disse à ele, "eu quero fazer músicas como os Beatles e os Stones, apenas boas músicas."
Com isso, os dois músicos passaram a se encontrar no local onde Dave morava, e escreveram a primeira canção do grupo, a única que eles tocam em todos os concertos até hoje, e que se tornou o principal sucesso do grupo: "Mr. Brightside". Sob o nome de The Killers (retirado de um videoclipe do New Order chamado "Crystal"), os primeiros concertos da banda contavam apenas com Flowers e Keuning, e uma representação eletrônica de bateria e baixo. O visual dos dois se assemelhava muito ao de uma banda de glam rock: enquanto Dave usava sombra, Brandon usava glitter e uma pesada maquiagem nos olhos. Mesmo para uma banda local, os concertos da então dupla atraíam pouca gente. Na maioria das vezes, o único público era a mãe de Brandon, algumas amigas dela e um grupo que ia com Ronnie Vannucci até as apresentações. Nesta época, Ronnie estava pensando em se juntar à banda, mas queria saber a opinião de seus amigos, que riam diante da performance nervosa e da maquiagem de Brandon e Dave. Após fazerem testes com alguns baixistas e bateristas, eles encontraram Dell Stir para o baixo e Matt Noezoss para a bateria. Esta formação não durou muito tempo. A formação atual do grupo completou-se quando o próprio Ronnie Vannucci substituiu Matt Noezoss, e Mark Stoermer (que passou a acompanhar as apresentações da banda), se tornou amigo de Ronnie e se tornou o baixista oficial da banda.
Antes mesmo de seu primeiro álbum ser concluído, o grupo já dividia datas de concertos no Reino Unido com os grupos British Sea Power e stellastarr* no verão de 2004, o que deu à banda a chance de mostrar ao público britânico como seu álbum iria soar. Hot Fuss foi lançado em junho daquele ano, e "Somebody Told Me", "Mr. Brightside", Smile Like You Mean It" e "All These Things That I've Done" tornaram-se sucessos imeditados. O próprio álbum atingiu a sétima posição no Billboard Top 200. Devido à grande presença de sintetizadores neste álbum, houve uma forte associação entre Hot Fuss e grupos dos anos 80 como U2, The Cure, Duran Duran, Depeche Mode e New Order, o que levou os críticos a definirem o grupo como New Wave, synthpop, pop alternativo, dance rock dentre outros gêneros musicais.
Amplamente divulgado em canais televisivos (como a MTV 2 e outros canais que concederam grande rotação ao videoclipe de "Mr. Brightside"), Hot Fuss fez bastante sucesso (recebendo, inclusive, disco de platina triplo no Canadá), principalmente no Reino Unido, onde atingiu a primeira posição nas paradas musicais. Após o lançamento de Hot Fuss o The Killers passou a receber grande exposição ao redor do mundo, não apenas devido ao fato de "Somebody Told Me" ter estado em grande rotatividade em inúmeras rádios ao redor do mundo mas, em grande parte, devido ao reconhecimento de artistas como Elton John, David Bowie e Bono Vox. Eles passaram a tocar em grandes festivais e abrir shows para artistas como Morrissey, dentre outros importantes nomes da música. Com um álbum bem recebido pela crítica e tendo um grande número de fãs ao redor do mundo, eles tiveram um grande desafio: lançar um segundo álbum que atendesse às expectativas geradas por Hot Fuss.
Apesar de toda a controvérsia que Sam's Town gerou, foi um álbum que fez bastante sucesso (recebeu disco de platina duplo no Canadá). Em uma entrevista, Brandon Flowers disse o seguinte sobre Sam's Town: "Eu tenho de confessar que as pessoas não vão gostar de nós. Nós apenas temos de fazer o melhor álbum que nós pudermos. E nós estamos fazendo isto. Este é um dos melhores álbuns dos últimos 20 anos. Nada pode abalar este álbum."

O sucesso de seus dois álbuns parece ter subido à cabeça dos membros da banda (especialmente na de Brandon Flowers), já que desde que conquistaram o disco de platina, eles passaram a criticar uma variedade de artistas e bandas. Dentre estas inimizades, as mais notáveis são o Panic! At The Disco, Fall Out Boy (que chegou a tocar o sucesso "Mr. Brightside" em um show) e o The Bravery (que são da mesma gravadora deles). Brandon disse que "estas bandas estão pegando carona no nosso sucesso. Eles deviam nos agradecer por existirmos". Em setembro de 2005, o baixista do Fall Out Boy, Pete Wentz, ofereceu um "cessar-fogo" em seu blog. Flowers, então, se desculpou, dizendo "Eu gostaria de voltar atrás. Estas pessoas estão apenas fazendo o que elas querem fazer, do mesmo jeito que eu. Eu sou uma boa pessoa e amo as pessoas. Eu sou apenas intrometido, e, algumas vezes, ciumento. Não é uma coisa da qual eu me orgulhe."

O sucesso da banda fez com que eles fossem convidados para diversos programas e festivais. Em 15 de janeiro de 2005, e em 30 de setembro de 2006, o grupo foi o convidado musical em um programa de grande repercussão da televisão norte-americana, Saturday Night Live. Na sua mais recente aparição no programa, eles tocaram "When You Were Young" e "Bones", como forma de promover o novo disco, Sam's Town. Eles também foram convidados para programas como Jimmy Kimmel Live, The Late Show with David Letterman, The Tonight Show with Jay Leno e Late Night with Conan O'Brien. No Reino Unido, eles apareceram no Top of the Pops, Friday Night with Jonathan Ross e Later with Jools Holland. O grupo também tocou em um episódio de Austin City Limits, em 11 de novembro de 2005, junto com o grupo Spoon.
A banda não apenas foi citada diversas vezes no periódico NME, como também foi capa da revista diversas vezes. Por isso que boa parte do sucesso do grupo no Reino Unido pode ser creditada à esta revista, já que, com essa exposição, nomes importantes no meio musical revelaram gostar de The Killers, como David Bowie e Elton John. Eles ainda tocaram na noite de lançamento do videogame Xbox 360, em 12 de maio de 2005, apresentada pelo ator Elijah Wood na MTV.
Dave, Brandon e Mark no Oxegen 07 em 2005, eles ainda tocaram no Festival de Glastonbury, no Palco Pirâmide, sexta-feira à noite. Originalmente, foi oferecido a eles a principal apresentação do domingo, após Kylie Minogue ter cancelado sua própria apresentação por causa de seu diagnóstico de câncer de mama, mas o grupo recusou, pois eles não sabiam se teriam canções suficientes para preencher este horário. De qualquer maneira, eles atraíram um dos maiores públicos do festival.[28] Em 9 de julho deste mesmo ano, eles se apresentaram em Balado, Escócia, como atrações do festival T In The Park. Após a apresentação de sua banda, o vocalista Brandon Flowers foi convidado pelo New Order para tocar "Crystal" em sua apresentação. O The Killers ainda esteve programado para abrir o concerto do U2 em Viena, mas foram substituídos pelo grupo irlandês The Thrills, (embora, algum tempo depois, Brandon Flowers tenha feito um dueto com Bono Vox na música "In a Little While"). Eles ainda apareceram no Carling Weekend como o segundo grupo no tributo aos Pixies.
Ainda em 2005, houve, talvez, o principal agente catalisador de seu sucesso no Reino Unido. Se apresentaram no palco Londres do mega festival Live 8, no dia 2 de julho, realizado nos países do G8 e na África do Sul. Tendo a chance de tocar apenas uma canção, a escolhida foi "All These Things That I've Done". Para surpresa geral, o popstar Robbie Williams incorporou o coro "I've got a soul but I'm not a soldier" em sua apresentação de "Let Me Entertain You". Coldplay e U2 seguiram Robbie Williams e inseriram essa famosa linha em suas músicas "God Put a Smile Upon Your Face" e "Beautiful Day", respectivamente.
Em 9 de fevereiro de 2007 eles gravaram uma sessão acústica nos estúdios da Abbey Road, para o segmento Live from Abbey Road do Channel 4. A música "Sam's Town", tocada nesta sessão, viria a ser incluída na compilação Sawdust. Eles ainda fizeram um cover de um sucesso do Dire Straits, "Romeo and Juliet", que foi incluído nesta mesma compilação e no single de For Reasons Unknown. Em 14 de fevereiro de 2007 (Dia dos Namorados), o grupo tocou "When You Were Young" no BRIT Awards, estando indicados para duas categorias (Grupo Internacional e Álbum Internacional), tendo vencido ambas e desbancando Red Hot Chili Peppers, Scissor Sisters e Gnarls Barkley. Em 23 de junho deste mesmo ano eles foram a principal atração do Festival de Glastonbury de 2007, do Hovefestivalen, ocorrido no meio do ano, no V Festival, em agosto, e no Austin City Limits Festival, em setembro. Eles ainda foram a principal atração do palco principal do T In The Park, na Escócia, e no Oxegen 2007 na Irlanda, em Julho, do segundo dia do Tennents ViTal na Irlanda do Norte, em agosto, no segundo dia do The Echo Project, em Atlanta, Georgia, em outubro e, por fim, no argentino Yeah Festival, em novembro, e no Fenix Festival, que também teve Travis e Starsailor, no Chile.
Em abril de 2007, eles tocaram no famoso Madison Square Garden, em Nova York. Em 9 de dezembro, eles fizeram uma apresentação especial e surpresa no KROQ Almost Acoustic Christmas, tocando "Don't Shoot Me Santa" e algumas outras canções.
Eles também se apresentaram no segundo episódio da segunda temporada do seriado norte-americano The O.C., no The Bait Shop (apesar de Ronnie Vannucci ter sido contra, no início), tocando "Smile Like You Mean It", que foi inserida no Mix 2, uma das trilhas sonoras do seriado, e no Mix 6. Esta última trilha, que foi feita somente com covers, "Smile Like You Mean It" foi gravada pelo grupo Tally Hall.
Em outubro de 2007, o grupo realizou três concertos no Brasil, como uma das principais atrações do Tim Festival. Em 26 de outubro a Marina da Glória, no Rio de Janeiro, o grupo tocou para cerca de quatro mil pessoas. Em 28 de outubro, eles tocaram em São Paulo, no Anhembi. A Pedreira Paulo Leminski, em Curitiba, os recebeu no dia 31 de outubro. Neste concerto o baterista Ronnie Vannucci apareceu vestido de bruxo, numa alusão ao Halloween, que nos Estados Unidos é comemorado anualmente neste dia.
Quando a banda surgiu na cena musical de Las Vegas, sua sonoridade foi melhor assimilada devido ao fato de possuir uma forte presença de sintetizadores. O próprio Mark Stoermer disse, em uma entrevista, que um dos principais fatores da banda ter conseguido sair dos pequenos clubes e cafés de Las Vegas foi "o principal instrumento que coloria a música do grupo, algo que poderia ser motivo de delírio todas as vezes em que nós nos preparávamos para tocar: nenhuma outra banda tinha teclados." A comparação, pois, com grupos post-punk dos anos 1980, como New Order e Depeche Mode é inevitável, já que estes grupos são os pioneiros do synth pop - esta mesma comparação rendeu à banda o título de "banda de post-punk revival". Ainda assim, a música do Killers já recebeu uma grande diversidade de rótulos, como New Wave, pop alternativo e dance rock, sendo que nenhum destes foi plenamente aceito.



15-07, tudo acaba aqui... Não para nós! || Harry Potter ♥
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Bruno Rhayran
Bruxo Moderador
Bruxo Moderador


Sexo Sexo : Masculino
Mensagens Mensagens : 395
Galeões Galeões : 10223
Nível Bruxo Nível Bruxo : 1
Data de inscrição Data de inscrição : 28/04/2009
Idade Idade : 21
Localização Localização : Brasil

Perfil Bruxo
Família:
Patrono:
Casa:

MensagemAssunto: Re: The Killers   Qua Jun 17, 2009 11:11 pm

pensei que eles fossem mais velhos !

e to com preguiça de ler, e meio sonolento depois eu posto mais !
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.harrypotterdestinys.forumeiros.com
Annie M. von Crimson
Bruxo Administrador
Bruxo Administrador


Sexo Sexo : Feminino
Mensagens Mensagens : 2326
Galeões Galeões : 2147483638
Nível Bruxo Nível Bruxo : 28
Data de inscrição Data de inscrição : 27/04/2009
Idade Idade : 22
Localização Localização : Hogwarts

Perfil Bruxo
Família: von Crimson
Patrono: Tigre
Casa: Grifinória

MensagemAssunto: Re: The Killers   Qui Jun 18, 2009 6:40 pm

PRECONCEITUOSO!
Essa foto é antiga, pô ^^
Mas adoro eles, minhas músicas favoritas são:

-Sweet Talk
-Spaceman
-Human
-Read My Mind (adooooooooooooooooooooooro)
-Bones
-For Reasons Unknow
-Mr Brightside
-Change Your Mind



15-07, tudo acaba aqui... Não para nós! || Harry Potter ♥
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: The Killers   Hoje à(s) 8:57 am

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
The Killers
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Elite killers ou Rage???

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Harry Potter DESTINYs :: Off-Topic :: Música-
Ir para: